A sugestão

O Atletico Nacional da Colômbia teve o gesto grandioso em meio à tragédia ao sugerir à Conmebol, a confederação sul-americana, que o título da Copa Sul-Americana seja entregue à Chapecoense.

Agora, vem a parte mais complicada. A Conmebol não se manifestou, porque antes precisa convocar seus sábios, para saber o que perde e o que ganha com isso, se há implicações financeiras e se alguém pode reclamar mais adiante.

É possível que convoquem até a Janaína Paschoal para opinar sobre a legalidade da ideia. Não duvidem de nada.

 

 

One thought on “A sugestão

  1. Alem da dor pela perda da maioria dos seus atletas, a Chapecoense terá pela frente um problema que poderá inviabilizá-la como clube de futebol. Os atletas mortos eram todos funcionários do clube, e perderam a vida durante o exercício de suas funções profissionais. A tragédia poderá ser qualificada como acidente de trabalho, e talvez caiba ao clube a responsabilidade pelas indenizações trabalhistas. Eu penso que essa responsabilidade deve ser dada a Conmebol, responsável pelo torneio. Mas com a truculência que lhe é peculiar, e pela maneira com que arbitra o certame, não será surpresa se o performático Jose Eduardo Cardoso for convocado às pressas em defesa da entidade. Afinal, seu notável saber jurídico, seu apurado senso de teatralidade, fazem dele um mestre na arte de tentar transformar malfeitores em vítimas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


2 + 9 =