Andante

O candidato que anda sem rumo continua frequentando as vilas de Porto Alegre.
Apresenta-se como grande amigo da periferia, enquanto seu partido, no governo do golpe, prepara rasteiras no povo.
É a direita testando seu poder de hipnose com um político andante e medíocre, que de repente descobriu os moradores dos bairros.
O homem promete postos de saúde e creches, mas o governo do qual é cúmplice desmonta programas sociais e já expressou até o desejo de encolher o SUS.
Porto Alegre caiu em muitas armadilhas em outras eleições. Não pode embarcar na conversa do golpista que se apresenta como carinhoso, porque não tem nada de relevante para apresentar como deputado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


6 + 3 =