Armas

O bolsonarismo não tem freios morais, nem em momentos de comoção nacional.
Leia esse começo de notícia do jornalista Daniel Carvalho, na Folha:
“No mesmo dia em que um homem e um adolescente mataram pelo menos sete pessoas e feriram 11 em ataque a uma escola em Suzano (SP), Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) apresentou seu primeiro projeto como senador: autoriza a instalação no país de fábricas civis de armas de fogo e munições”.
O objetivo de Bolsonaro é o de acirrar a disputa de mercado dos estrangeiros com a Taurus.
É provável que os Bolsonaros não tenham recebido da Taurus toda a atenção que pediram.
Um dia talvez se descubra que atenção reprimida seria essa.
Os Bolsonaros podem ter colocado o bode na sala, para testar a reação da Taurus.
A venda de arma pode crescer ainda mais se, além da posse (em casas, sítios e empresas), for liberado o porte (andar armado na rua).
Os Bolsonaros conhecem bem essa lida com armas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


3 + 6 =