Dirceu e Aécio

Tem gente espantada porque uma professora de Caruaru, Pernambuco, usou uma carta escrita por José Dirceu em uma prova de interpretação de texto.
Reagiram porque Dirceu é um condenado que já pegou cadeia. Ora, se a professora pedia uma reflexão sobre o sistema prisional e a carta trata da vida na cadeia, como iriam fazer interpretação de texto com alguém que nunca foi preso?
O Aécio, por exemplo, nunca poderia ser usado como inspiração numa prova como esta. Primeiro, porque nunca é preso. Segundo, porque não se tem conhecimento de um texto, uma cartinha que seja, que ele tenha escrito na vida.
Aécio só poderia ser tema de uma composição à moda antiga com este título: O helicóptero.

One thought on “Dirceu e Aécio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


9 + 1 =