Fumando

Sergio Moro criou um grupo de estudos (vejam só, um grupo) para avaliar a “conveniência e oportunidade” de redução da tributação dos cigarros.
Moro preocupado com o crime organizado e o PCC e, ao mesmo tempo, com o imposto de um vício, com o argumento do combate ao contrabando?
Muito estranho. E se levantarem a suspeita de que o ex-juiz virou lobista das fumageiras? Fica chato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


5 + 2 =