Passado, presente e resistência

Queria poder dar uma espiada nos textos que saíram do tema proposto hoje para a redação no vestibular da Fuvest (USP): “A importância do passado para a compreensão do presente”.
A imagem dessa escultura de Flávio Cerqueira aparecia ao lado do enunciado. Uma chance de pensar sobre passado, memória, História, historiadores, professores, liberdades, presente, num país sob a ameaça de amordaçamento e violência do fascismo.
A universidade resiste.

Professor de ética

Imaginem as aulas desse tal de Claudio Tognoli, professor de jornalismo da USP que divulgou o telefone do desembargador Rogério Favreto.
Esse pilantra só continuará dando lições de jornalismo se os alunos quiserem.
Se não quiserem, podem abandonar suas aulas e testar sua ‘ética’ de golpista publicando o telefone do sujeito no FaceBook.
Quem imaginou que a USP teria um dia em seu corpo docente gente da categoria de Janaína Paschoal e desse Tognoli.