WALY SALOMÃO

Um dia escrevi aqui sobre 10 pessoas que eu ressuscitaria, só para que interferissem um pouco com seu atrevimento neste país cada vez mais racista e fascista.
Hoje me lembrei do Waly Salomão. Não vejo mais ninguém falando do Waly Salomão. E como era bom esse cara, falando e poetando.
Isso aqui eu tirei agora da página dele, que descobri neste momento. É atual demais. É um presente.
“A felicidade do negro é uma felicidade guerreira!
Brasil, meu Brasil brasileiro
Meu grande terreiro, meu berço e nação
Zumbi protetor, guardião padroeiro
Mandai a alforria pro meu coração”
(Waly Salomão)