Por onde andam?

Aos sábados, sempre me lembro dos bons tempos em que o Jornal Nacional chamava os amigos para entrevistas.

Sábado era dia de ouvir o Zé Agripino, o Álvaro Dias, o Pauderney, o Jucá e o Caiado palpitando sobre qualquer assunto contra o PT e as esquerdas, em suas casas, sempre ao lado de um abajur ou de uma samambaia.

Tenho saudade das entrevistas do Jornal Nacional com os cenários das samambaias. Por onde anda o Zé Agripino?

Criem coragem e peguem um tucano

As instituições têm mais 14 dias, até o fim do ano, para pegarem um tucano. Mas a Polícia Federal está atrás do Zé Agripino, que não aparece no Jornal Nacional dos sábados ao lado de uma samambaia há pelo menos dois meses.

Zé Agripino é manjado. Vão pegar o moralista do PFL pelas propinas que recebeu de empreiteiras.

Mas 10 Zés Agripinos não valem um tucano enquadrado. Só que continuam pegando os Zés Agripinos e os Malafaias e não pegam ninguém do PSDB.

E há investigações e processos contra José Serra, Pedro Parente, Pedro Malan, Fernando Henrique Cardoso, Aécio Neves.

O problema é que ninguém fala disso. E talvez nem os investigadores saibam que todos estes tucanos estão sendo investigados e/ou processados.

Temos mais 14 dias para que ainda peguem um tucano este ano. Se não pegarem, este terá sido o ano da guerra seletiva à corrupção.

Parem de pegar sempre os mesmos passarinhos. Criem coragem e peguem um tucano, mas um tucano graúdo.