Mendes e a democracia

É difícil conviver com a onipresença de Gilmar Mendes, às vésperas da eleição, como guardião sensato da democracia.
Em nome da democracia e protegido pela democracia, declaro que Gilmar Mendes não me representa como oráculo da democracia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


9 + 9 =