A MÁFIA DE MACRI

O Ministério Público vai investigar na Argentina delitos que podem estar acontecendo no Brasil. Escutas ilegais comandadas por um poder paralelo dentro do serviço de inteligência do governo no tempo de Maurício Macri.
Arapongas a serviço de Macri espionavam telefonemas, e-mails e mensagens trocadas por adversários políticos, por ex-amigos, jornalistas e até mesmo juízes.
E aqui, chegaremos um dia não só ao esquema do Gabinete do Ódio, que está sendo desmontado, mas à estrutura de ‘inteligência’ particular de Bolsonaro, que ele mesmo disse existir?

O VALENTÃO FICOU COVARDÃO
Esta foi a frase que Weintraub disse na reunião do dia 22, diante de militares que ele queria bajular:
“Eu, por mim, botava esses vagabundos todos na cadeia, começando no STF”.
E esta foi a frase que o valentão repetiu várias vezes hoje, ao se negar a reafirmar o que disse em depoimento à Polícia Federal:
“Nada a declarar”.

AS QUALIDADES DE UM COVARDE
Pela manhã, Weintraub recebeu a comenda do Mérito Naval, concedida por Bolsonaro.
À tarde, foi chamado de desqualificado por Rodrigo Maia.
É um condecorado com desqualificação. Deve ser o primeiro denunciado publicamente como desqualificado que é homenageado com medalha pela Marinha.
Como à tarde não teve coragem para reafirmar a frase sobre os ministros do Supremo que chamou de vagabundos, ao depor à Polícia Federal, além de desqualificado Weintraub passou a ser também covarde.
Um ministro da Educação desqualificado, analfabeto e covarde.

2 thoughts on “A MÁFIA DE MACRI

  1. Eu imagino a sensação de um Almirantes destes repassando a “Comenda” a uma figura inigualavelmente medíocre como este “ministro da educação”. veja a que se submetem estes nobres homens das “Forças Armadas”. Mas se MERECEM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


7 + 8 =