A semana dos tucanos

serra

Duas notícias de hoje que devem incomodar os tucanos. Um delator estaria chegando perto de José Serra. O ex-deputado e ex-ministro Marcio Fortes teria sido por alguns anos, segundo esse dedo-duro, o elo entre as empreiteiras e o atual chefe do Itamaraty.

Delações como essa, envolvendo propinas ou caixa 2 para tucanos, são sempre confusas. As investigações não avançam, a notícia sai dos jornais, tudo passa, e os tucanos voltam a flanar nas correntes de ar quente (sim, tucanos do PSDB flanam).

Mas Serra estaria tão preocupado, segundo Monica Bergamo na Folha de hoje, que já contatou advogados de peso de São Paulo.

É um momento que não permite que o chefe do Itamaraty se desconcentre. Serra está preocupado em amarrar bem as relações com o Primeiro Mundo, especialmente com Paris, diante do aumento do poderio de países como a Bolívia.

Serra é o único tucano dos ninhos mais altos que vem escapando de notícias ruins, ao contrário de Aécio, Alckmin e FH.

A outra notícia ruim envolve o delegado-geral da Polícia em São Paulo. Youssef Abou Chabin é investigado pela Polícia Federal por fortes indícios de negócios com delatores da Lava-Jato.

Youssef (mais um!!!) teria familiares envolvidos em negócios de blindagem de carros e intermediação de venda de planos de saúde com os delatores. .

Delegado sócio de mafiosos? Seria mera coincidência? Os delatores já confirmaram em depoimentos que eram operadores de propinas. E o próprio delegado confirma que teve sociedade com um dos delatores.

O delegado foi indicado para o cargo pelo atual ministro da Justiça do interino de Brasília, Alexandre Moraes.

O que vocês acham que vai dar isso tudo? O consolo pode ser este: tucanos também são delatados. Mesmo que continuem flanando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


8 + 1 =