A tese fofa de Sergio Moro

Sergio Moro erra até quando parece que vai acertar. Hoje, no aniversário da Lei Maria da Penha, o ex-juiz escreveu no Twitter que os homens agridem as mulheres porque se sentem intimidados por elas.
É uma conversa meio assim, meio fofa, meio anos 80. Os homens se sentem fracos porque as mulheres estão mais fortes. E por isso o homem “recorre, infelizmente, à violência”.
Recorre? Esse é o verbo, Sergio Moro? Os homens agridem as mulheres cada vez mais porque o machista espancador e homicida foi empoderado pela pregação bolsonarista. Está nas estatísticas recentes. A ascensão do bolsonarismo aumentou a violência contra as mulheres.
O homem violento espanca e mata não por intimidação do poder da mulher, mas pela radicalização de discursos e ações de machos impunes, incluindo o presidente da República e chefe de Moro, processado por incentivo à violência e ao estupro.
O ódio, a crueldade e a insegurança do macho bolsonarista, e não a intimidação do poder feminino, fomentam o espancamentos, estupros e assassinatos de mulheres.
Só faltou o ex-juiz dizer que os homens agridem as mulheres porque elas ficaram atrevidas e usam roupas intimidadoras.
Não, a intimidação não pode servir de justifica para o crescimento dos crimes. Não transfira a culpa para as mulheres, Sergio Moro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


8 + 7 =