A vez dos tiros

Já não atacam só com pedras e relhos. Dois ônibus da caravana de Lula foram atingidos por quatro tiros agora no início da noite na saída da cidade de Quedas do Iguaçu, no Paraná.
A presidente do PT, Gleisi Hoffmann, define o atentado como uma emboscada.
E ainda há quem brinque com a violência como se isso fosse manifestação de valentia.
A direita perdeu o controle dos seus jagunços no Sul, ou quem sabe seja isso mesmo que o golpe esteja esperando que aconteça agora, o assassinato de Lula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


9 + 4 =