Aquarius

Finalmente, fui ver Aquarius. Parece que Sônia Braga nunca morou nos Estados Unidos e sempre esteve, na verdade, escondida naquele apartamento da Praia da Boa Viagem.

O cinema brasileiro já tem um grande filme sobre o caráter da ala empresarial da turma que fez o golpe.

Se há consolo, a resistência ao golpe tem a arte e a militância de uma Sônia Braga exuberante como a jornalista Clara no seu duelo contra os mafiosos.

É um filme muito incômodo para a direita, a miúda e a graúda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


1 + 3 =