AS CRIANÇAS NA GUERRA DA DIREITA

A guerra na Argentina agora é do presidente Alberto Fernández contra o prefeito de direita de Buenos Aires, Horacio Rodríguez Larreta.

Há uma determinação de Fernández, por decreto, pelo fechamento das escolas. Larreta entrou na Justiça e conseguiu o retorno das aulas presenciais, num momento em que cresce a pandemia no país.

A direita argentina virou extrema direita. O negacionismo dos macristas equivale à sabotagem que o bolsonarismo faz aqui contra isolamento e vacinação.

Os professores ameaçam com greve. Os jornais Clarín e La Nación, de direita, inimigos do peronismo e do kirchnerismo, fazem campanha pela volta das aulas com fotos como essa que aparece aí, do La Nación.

As crianças são mobilizadas na guerra proposta pela direita e pela extrema direita.

O jornalista Roberto Navarro, do site de esquerda El Destape, diz que Larreta foi induzido ao suicídio político pelo ex-presidente Mauricio Macri, que diz o que o prefeito deve fazer.

Larreta assegura que as escolas não disseminam contágio, tampouco restaurantes, transporte coletivo e contatos pessoais encontre conhecidos.

Um panfleto da prefeitura de Buenos Aires, sobre a volta das aulas, recomenda o seguinte a pais e alunos: compartilhem as viagens de casa aos colégios com vizinhos, amigos e parentes.

A prefeitura da cidade recomenda, em nome da redução nos congestionamento, que as famílias ofereçam caronas e se misturem dentro dos carros, algo que parece inimaginável até mesmo no Brasil.

__________________________________________________________________

O HUMOR JORNALÍSTICO DE THE CAVERÁ TIMES]

2 thoughts on “AS CRIANÇAS NA GUERRA DA DIREITA

  1. No Brasil, gestores deveriam garantir acesso à Internet e a plena segurança financeira, alimentar, psicológica e vacinal das crianças e dos jovens, antes de pressionar trabalhadores da educação ao retorno presencial. O país passa pelo pior momento da pandemia, com hospitais ainda lotados, porém com um número crescente de jovens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


2 + 2 =