Desculpa

Do deputado Onyx Lorenzoni, que a partir de amanhã será ministro da Casa Civil, sobre os gastos de mais de R$ 100 mil com passagens aéreas para suas viagens na campanha de Bolsonaro, denunciados pela Folha:
“Eu não tenho que me defender de nada. (…) Enquanto congressista e deputado, eu tenho a prerrogativa e o direito de andar no lugar do Brasil que eu quiser e eu estava ajudando a construir o que hoje nós estamos vivendo: a transição para um novo futuro para o nosso país e para um novo Brasil”.
Pronto. Desta vez não foi um pedido de desculpas, mas uma desculpa. Foram gastos públicos em nome do novo futuro.
O presente que se dane.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


5 + 7 =