JANGO E DILMA: PIMENTA DIZ POR QUE A SESSÃO DO GOLPE DEVE SER ANULADA

Se o Congresso anulou a sessão do afastamento de João Goulart, em 1964, o mesmo deve ser feito com as sessões que levaram ao impeachment de Dilma Rousseff.

É o que defende o deputado Paulo Pimenta (PT). A proposta da anulação é motivada por artigo recente do ministro Luis Roberto Barroso, admitindo que Dilma caiu por perseguição política, e não por causa das tais pedaladas.

Compartilho texto do Brasil 247, com link abaixo:

https://www.brasil247.com/poder/congresso-anulou-sessao-do-afastamento-de-joao-goulart-e-anulara-a-sessao-do-golpe-contra-dilma-garante-paulo-pimenta

___________________________________________________________________

O BUMERANGUE DE MORO
É até divertido ver Sergio Moro se queixando de abuso de poder do procurador que denuncia suas relações promíscuas e criminosas com a consultoria Alvarez & Marsal.

Moro sempre esteve a serviço dos que usam a Justiça para perseguir inimigos.

O poder econômico abrigado pelo fascismo continua abusando da Justiça para tentar calar jornalistas e todos os que denunciam seus crimes.

Os perseguidores são inspirados nos métodos de delinquente de Sergio Moro.

Mas o juiz justiceiro ainda não experimentou todas as crueldades que usou contra Lula e outros que ele encarcerou.

Muitas dessas crueldades ele nem vai experimentar, porque são ações abusivas e criminosas.

Mas o ex-juiz poderia sentir por alguns momentos a sensação de uma condução coercitiva seguida de uma prisão preventiva.

Moro poderia conhecer uma cadeia por dentro. Além dele, muitos outros fascistas deveriam passar por essa experiência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


5 + 1 =