Jornalismo desidratado e achinelado

Os jornalistas já estão falando e escrevendo como se fossem Bolsonaro ou os filhos dele. Bolsonaro diz que a proposta da reforma da Previdência não pode ser desidratada.
Desde o início do governo ele repete. Repórteres da Globo passaram a dizer que o projeto foi desidratado.
Os comentaristas da GloboNews dizem que a ameaça é a desidratação da proposta. A Folha põe em manchete essa história da desidratação do pacto federativo.
Não há salvação quando os jornalistas se transformam em papagaios da linguagem bolsonarista. É muita chinelagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


9 + 5 =