O APOIO DE TABATA NÃO É POUCA COISA

A deputada Tabata Amaral (PSB-SP) encontrou-se com Lula e Janja e decidiu que não há outra opção: é preciso apoiar o petista já no primeiro turno.

É uma decisão de impacto, porque vai inspirar boa parte do eleitorado de centro, jovens e mulheres.

Abaixo, a íntegra da nota que Tabata publicou no Instagram:

“O momento atual exige coragem e lucidez. Coragem para se posicionar. Lucidez para deixar nossas diferenças de lado e unir forças para reconstruir o país. Hoje, respeitando os que pensam de forma diversa, entendo que a única frente ampla viável é a constituída por Lula e Alckmin e que, para derrotar Bolsonaro no 1º turno, esse posicionamento precisa ser feito agora.

Decidi entrar na vida pública porque entendi que é somente por meio da política que o nosso sonho de uma escola pública e de qualidade poderá se concretizar. Mas o que mais presenciei nesses últimos quatro anos foram tentativas constantes de destruição. E não só da nossa educação. De tudo aquilo que é caro para mim: democracia, meio ambiente, vida, nossos direitos enquanto mulheres, a luta contra a extrema pobreza.

Lula e Alckmin estão comprometidos com a renda mínima e o fortalecimento da educação básica e da pesquisa. Entendem que a proteção do meio ambiente e o combate às desigualdades são essenciais ao nosso crescimento. Que não podemos permitir que 33 milhões de brasileiros continuem sem ter o que comer. Temos o enorme desafio de reconstruir o nosso país, e essa reconstrução só será possível com a nossa união.

Os próximos 65 dias serão decisivos para o futuro do nosso país. Já estamos vivendo episódios inaceitáveis de violência política e questionamentos ao processo eleitoral. Diante desse quadro, não me posicionar não é uma opção. E o meu lado é o da democracia, da educação e daqueles que mais precisam”.

__________________________________________________________________

DEBATES
Se Lula for a um debate com um bêbado num banco da Praça da Alfândega, ganhará mais do que num debate com Bolsonaro.

Lula pode dar de 7 a 1 em Bolsonaro. Mas ganhará o que com isso?
Mas quem sabe é Lula. Parece que irá ao debate que está sendo organizado pelo pool de Folha, UOL, G1, Estadão, Globo e Valor Econômico.

_________________________________________________________________

EXPLICAÇÕES
Da antiga série sobre como explicar para o marciano.
Por que há fila com espera de três horas para tirar a nova carteira de identidade e não há fila para a vacinação de crianças?

Como foi, segundo o Datafolha, que Bolsonaro cresceu entre as mulheres?

Por que alguém assina um manifesto em defesa da mata atlântica e não assina um manifesto em defesa da democracia?

__________________________________________________________________

FALTAM ELES
O ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, assinou o manifesto pela democracia emitido pela Conferência de Ministros de Defesa das Américas.

Bolsonaro largou no Twitter um manifesto de uma linha em defesa da democracia.

Só falta agora o manifesto dos milicianos.

__________________________________________________________________

QUE ESCOLHA
Empresários democratas de todas as áreas e de todos os portes assinaram o manifesto pela eleição e pela democracia, que já tem mais de 400 mil apoiadores.

E a Folha foi ouvir quem, para uma longa entrevista? O véio da Havan, para tentar desqualificar o manifesto.

2 thoughts on “O APOIO DE TABATA NÃO É POUCA COISA

  1. Uma avalanche de políticos até então “neutros e isentos”, da direita moderada, empresários, etc, vão aderindo à onda LULA…
    No final somente os nazistas , a extrema direita, os filhos e os militares é que morrerão abraçados ao Bolsoasno diante dos 7 x 1 que o LULA vai aplicar neles…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


4 + 3 =