O DESTINO DE SERGIO MORO

O lavajatismo derrotado terá de enfrentar uma realidade. A opção de Sergio Moro de participar de um poder que envolve ligações até com milicianos contribuiu para a decisão de ontem do Supremo.
O Sergio Moro exposto pelas mensagens do Intercept e que circula em Brasília ao lado do que há de pior na política ajudou a afundar a Lava-Jato.
O ex-juiz é cada vez menos o que achavam que foi um dia e cada vez mais um figurante da extrema direita com pretensões de protagonismo.
Sua força como político com alguma autonomia finalmente será testada, depois da sequência de derrotas do seu projeto anticrime no Congresso.
O que sobrou de Moro poderá se transformar num Severino Cavalcanti com a voz desafinada, ou ser devorado pelos que o acolheram nesse submundo.
Muitos já enxergan o ex-juiz sobre a toalha rendada da mesa do banquete com uma maçã enfiada na boca.
Deltan Dallagnol está sendo preparado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


5 + 8 =