O RACISTA, O HOMÓFOBO E O AGRESSOR DE MULHERES IMITAM BOLSONARO

Walter Casagrande deu uma aula de ciência política e de sociologia ontem no Roda Viva. Leiam o que ele disse sobre a impunidade de homens racistas e violentos:

“O racismo e as violências sempre aconteceram. Só que antigamente não tinha visibilidade, não tinha internet, celular, não se gravava e não se filmava nada. Hoje se filma e nós ficamos assustados porque começamos a ver essa situação. As pessoas perderam o medo de ser racistas. As pessoas perderam o medo de jogar uma bomba num ônibus de um time. As pessoas perderam o medo de imitar macaco dentro de um estádio de futebol. Todos os tipos de preconceito na nossa sociedade estão tendo o aval de Jair Bolsonaro. Se o presidente dá o aval para você ser preconceituoso, racista, homofóbico, machista, agredir mulher… Ofensas como ele fez diversas vezes. As pessoas ficam livres para fazer. O jogador de futebol tem que combater isso, os clubes, as federações têm que se posicionar. No ataque ao ônibus do Bahia e no ataque ao ônibus do Grêmio, tinha que parar o campeonato”.
(Casagrande repete a mesma abordagem de Roger Machado, que também atribui a Bolsonaro participação decisiva no crescimento de todo tipo de violência relacionada com racismo e preconceito no país.)

_______________________________________________________

A CAMISETA DA SELEÇÃO

Casagrande falou sobre a possibilidade de resgate da camiseta da Seleção por todos os brasileiros, depois de ter sido sequestrada pela extrema direita:

“A Copa vai ser depois das eleições. Quando chegar a Copa do Mundo, eu imagino que o Brasil já vai estar iniciando um momento de paz. A camisa amarela vai voltar naturalmente, porque a camisa amarela da seleção brasileira nunca esteve daquele lado de lá, do racismo, do preconceito, da mentira, da perversidade. Ela nunca esteve do lado de lá, sempre esteve do lado de cá. As Diretas era com todo mundo de verde e amarelo. Todas as manifestações pró-democracia eram todas com verde e amarelo, com a camisa da seleção brasileira. Então, ela vai voltar naturalmente para o lado certo dela, o lado da democracia, da paz e da liberdade. O lado do amor”.

Abaixo, a íntegra do Roda Viva.

One thought on “O RACISTA, O HOMÓFOBO E O AGRESSOR DE MULHERES IMITAM BOLSONARO

  1. Casagrande está certo só dizer que os jogadores são uns alienados na sua imensa maioria. Os caras vivem num mundo paralelo.
    Quanta diferença dos chilenos, argentinos e europeus… É que lá os caras têm curso superior…
    Ao contrário dos SEMIALFABETIZADOs daqui…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


7 + 6 =