OK, VOCÊS VENCERAM

Tinham razão os que disseram que, apesar de ter sido espancada, a youtuber bolsonarista Karol Eller continuaria livrando a cara dos agressores homofóbicos. Mesmo quando ela é a vítima.
Aqui está o que ela disse hoje:
“Ele assediou minha namorada. Disse palavras de baixo calão pra mim. Me chamou de sapatão. Me provocou dizendo: ‘Você não é homem? Você é muito macho?’ Ele teve sim uma atitude homofóbica. Mas não bateu em mim somente por isso. Tenho certeza que ele faria o mesmo com outra mulher que não fosse gay ou até mesmo outro homem”.
Ah, bom.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


7 + 3 =