Os filhos da direita

Estão descobrindo tudo sobre Paulo Preto, o operador de José Serra. Mas só agora. Preto opera para Serra e os líderes tucanos desde o início de 2000.
Descobriram que, além de R$ 132 milhões na Suíça, ele tinha uma empresa só para administrar os imóveis conseguidos com os roubos.
Ele e duas filhas cuidavam dos negócios. A direita gosta de envolver os filhos em aquisições imobiliárias.
Uma família de pai e três filhos tem R$ 15 milhões em imóveis no Rio, muitos na Barra da Tijuca. Quando irão descobrir como os imóveis foram adquiridos?
Talvez daqui a uma década e meia, como aconteceu com Paulo Preto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


1 + 9 =