Raquel e Moro

Os amigos do jaburu, presos para depoimentos e apreensão de documentos, devem ser soltos e passarão a Páscoa em casa. Por quê?
Porque as prisões foram temporárias e já cumpriram objetivo. E talvez porque as táticas da procuradora Raquel Dodge não sejam as mesmas de Sergio Moro.
Nas masmorras de Curitiba, eles ficariam em preventiva por anos.
Mas há gente da esquerda (mais do que se pensa) que gostaria de ver os métodos de Moro valendo para qualquer prisão no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


4 + 7 =