Recruta

A recruta Regina Duarte toma posse batendo continência para o tenente Bolsonaro.
É a subserviência envergonhando a ‘classe artística’ que ela diz representar.
Dias Gomes seria incapaz de criar uma personagem tão patética.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


5 + 7 =