A ARGENTINA PERDEU O MEDO DE ENQUADRAR SEUS GENERAIS

A democracia brasileira aprenderia muito com os argentinos, se prestasse atenção no que eles continuam fazendo para manter golpistas civis e militares sob controle. Eles não têm na Constituição nenhum artigo 142 que permita leituras enviesadas sobre golpismo. Não existe nada parecido com esse debate fajuto que consome os brasileiros sobre o presumido poder moderador

ARGENTINOS DEBOCHAM DE PAULO GUEDES

O jornal Pagina 12 traz um deboche com Paulo Guedes na capa da sua versão online. A manchete informa: “Não queremos nos transformar numa Argentina”, diz o ministro da Economia de Bolsonaro. Guedes está atacando a Argentina – quebrada por Macri, amigo dele –, por causa do afastamento do país das negociações conjuntas do Mercosul.

O FASCISTA ARGENTINO

O Ministério Público da Argentina abriu inquérito contra o sujeito que pregou abertamente o extermínio de negros e inimigos políticos pela pandemia. Chama-se Julio Carballo o empresário fascista que, frustrado com os baixos números de infectados e mortos na Argentina (1.795 casos, com 70 mortes), atacou o presidente Alberto Fernández e expressou um desejo. Em

O CUIDADO DA ARGENTINA COM AS CRIANÇAS

No Rio Grande do Sul, o gestor estadual reuniu o secretariado para anunciar que as aulas serão suspensas a partir de quinta-feira. Uma decisão óbvia, que não acrescenta nada de novo ao que todos os Estados já fizeram. E o presidente da República continua desafiando a pandemia e o Congresso com suas bravatas. Na Argentina,

O PRESIDENTE É O PROFESSOR

O homem de gravata. em pé no fundo da sala, é o professor Alberto Fernández, que leciona Teoria geral do delito e Sistema da penas, na Universidade de Buenos Aires. Fernández foi fotografado ontem, na primeira aula de 2020, e tirei a imagem da capa do jornal Página12. Pretende dar aulas a cada 15 dias,

A HORA DE DIANA

A atriz e jornalista Diana Zurco é a primeira apresentadora transgênero de um telejornal na Argentina. Diana passa a comandar o jornal das 19h da TV Pública, a mais importante TV mantida pelo governo. É Alberto Fernández reafirmando o que prometeu que faria no governo em nome de políticas afirmativas em todas as áreas. Diana

ELES TÊM FERNÁNDEZ, NÓS TEMOS BOLSONARO

Alberto Fernández reafirmou em palestra em Paris o que havia prometido durante a campanha: o governo argentino enviará ao Congresso um projeto de lei que propõe o fim da criminalização do aborto e prevê assistência integral da rede de saúde pública à mulher que quiser interromper a gravidez. “Não viverei em paz com minha consciência

OS POBRES ARGENTINOS E OS NOSSOS POBRES

A direita argentina reage com fúria ao esforço de Alberto Fernández para tributar altos rendimentos, fazendeiros e patrimônios e assim poder socorrer aposentados e famílias em situação de miséria. É a reportagem de capa do jornal Página 12. Lá tudo é feito no sentido inverso do que Bolsonaro faz no Brasil ao favorecer os ricos

AS POLÍCIAS DE BOLSONARO E DE FERNÁNDEZ

Bolsonaro vai empoderar até os policiais condenados por assassinatos com o seu indulto de Natal. Na Argentina, Alberto Fernández faz tudo ao contrário e acaba de revogar o que o governo macrista fez durante anos para estimular e legalizar violências e arbitrariedades da área de segurança. Foi revogada uma lei que dava aos policiais o