AUMENTAM AS APOSTAS NO FATOR MOURÃO

Os episódios recentes envolvendo os Bolsonaros acabam com tudo o que até anos atrás seriam os limites aceitáveis ou razoáveis de desatinos na política. Não há limites para as loucuras e os crimes de Bolsonaro e dos filhos dele. A realidade é adequada ao que acontece com os Bolsonaros, e as reações estão vários níveis

ESGOTOU-SE O REPERTÓRIO DE BLEFES DE BOLSONARO

Ele blefa pela manhã e tenta consertar o blefe à tarde. Bolsonaro gostou do alerta sobre a corda esticada, usado pelo general Luiz Eduardo Ramos, repetiu a figura e passou a brincar com metáforas sobre o golpe, sempre para blefar. É só o que faz. Anunciar o golpe é sua diversão. Brincar de ditadura, como

A Folha tenta acertar o prego

Trechos do editorial da Folha sobre a pregação da ‘intervenção militar’ pelo general Antonio Hamilton Mourão. Publico como curiosidade. Parece texto escrito pelo jaburu-da-mala ou pelo saudoso Rolando Lero, com frases feitas, ditados, todavias, contudos e entretantos. Copiem porque pode cair no Enem. “Como se diz, para quem só sabe usar um martelo, todos os