O JORNALISTA DELATADO E O JUIZ AFASTADO

Luis Majul (foto à esquerda) é um dos grandes nomes do jornalismo de direita na Argentina. Na outra foto está o juiz Federico Villena, que já mandou prender 22 envolvidos em espionagem contra adversários políticos no governo de Mauricio Macri. Pois Majul é um dos apontados como destinatários de informações dos espiões. E o juiz

OS ESPIÕES MILICIANOS DE MACRI

É maior do que parecia a estrutura de arapongas que Maurício Macri manteve durante seu governo. Descobriu-se agora que, com autorização do presidnete, a espionagem (criada para seguir Cristina Kirchner, jornalistas, senadores, deputados e sindicalistas) teve acesso a armas da Agencia Federal de Inteligência (AFI). No final do governo, foram ‘vendidas’ a preços simbólicos a

A INFORMANTE DE MACRI

Os espiões que seguiam Cristina Kirchner, no esquema de arapongagem montado dentro do governo de Mauricio Macri, grampeavam os próprios parceiros. E admitiam nas conversas entre eles que o grupo se chamava Super Mario Bros. Hoje, o jornal Pagina 12 divulga conversas entre chefes dos espiões que tinham a missão de seguir Cristina Kirchner, jornalistas,