OUTRA GUERRA PARA OS GENERAIS

Logo no começo do Roda Viva ontem à noite, Ciro Gomes foi provocado e falou sobre a possibilidade de golpe. Olhou direto para a câmera e mandou o recado: “Ó, Bolsonaro. Tu e os teus generais de pijama. Se metem que tu vai ver como nós vamos te encarar”. Mais adiante, Ciro ouviu outra pergunta

O CABRA QUE NÃO CONSEGUIU SER CORONEL

Ciro Gomes tentou ser coronel do Nordeste, um coronel bacana, bem ‘muderno’, progressista nos costumes e vago e retórico em relação a questões essenciais da democracia, das lutas sociais e da economia. Não conseguiu, porque o coronelismo entrou em crise. Ciro saltou fora do ninho e decidiu então que se apresentaria como um cara de

SERIA CIRO UM TERRAPLANISTA?

Ciro Gomes tem alguma coisa de Deltan Dallagnol misturado com Damares e chanceler Araújo, um esoterismo de um moralismo religioso, exacerbado, sempre com o antipetismo antes de qualquer coisa. Na entrevista que deu à BBC, ele disse que vive de palestras, como Dallagnol pretendia viver. Mas não cobra nada de sindicatos e estudantes. E aí