VINHA AÍ DE NOVO A HISTÓRIA DA FACADA

O ministro Alexandre de Moraes acolheu o argumento do PDT de que a nomeação do delegado amigo da família era “desvio de finalidade”. Por outra interpretação, não necessariamente jurídica, pode ser dito que todos sabem muito bem qual é finalidade nesse caso. Os manos estavam prontos para tentar barrar as investigações da PF que caminhavam

DOENTES

Altas autoridades das altas cortes, altos políticos, altíssimos empresários, altos palpiteiros, altos jornalistas fofos, altos ‘pacifistas’ poderiam parar de tratar o ataque a Bolsonaro como um atentado político à democracia. Foi um atentado a um político, mas parem de discursar como se condenassem a ação articulada de alguém que se expressa politicamente. Bolsonaro foi vítima