QUEM TENTOU DERRUBAR BOLSONARO?

Bolsonaro é um sujeito acuado, cercado de desconfianças por todos os lados. Esse medo é o que aparece como eixo do livro “Tormenta” (Companhia das Letras), da jornalista Thaís Oyama, sobre o primeiro ano de governo. Se me pedissem uma síntese do que li até agora sobre o livro, incluindo uma reportagem de Naief Haddad,

MOURÃO É ALVO DOS BOLSONAROS

Espalha-se pelo Brasil a desconfiança que já circulava em Brasília entre jornalistas e políticos: os Bolsonaros estão jogando pesado e abertamente contra o vice Hamilton Mourão. Quarta-feira, a Folha publicou uma entrevista com o guru americano Steve Bannon, ex-assessor de Trump e orientador do jogo sujo da campanha de Bolsonaro na eleição do ano passado.

A DOLÊNCIA DE BOLSONARO

O vice de Bolsonaro, general Hamilton Mourão, disse que o brasileiro é malandro porque herdou a indolência do índio. Como Bolsonaro foi salvar o parceiro e fez confusão sobre o significado de indolência (achou que era a capacidade de perdoar), meu amigo Carlos André Moreira esclareceu aqui no Facebook. Li agora há pouco: Indolência Substantivo