O ALERTA DE CELSO DE MELLO CONTRA A AMEAÇA NAZISTA

Abaixo, a íntegra da mensagem que o ministro Celso de Mello enviou hoje aos seus colegas do Supremo. É mais do que uma tomada de posição. É uma advertência com um apelo pela resistência contra a ameaça de algo muito semelhante ao nazismo: “GUARDADAS as devidas proporções, O “OVO DA SERPENTE”, à semelhança do que

Jojo Rabbit e os nazistas brasileiros

Racistas, fascistas e nazistas de hoje devem ver Jojo Rabbit para saber como daqui a alguns anos (e não muito longe) estaremos debochando da idiotia de todos eles, muito mais do que já debochamos hoje. Nós venceremos a guerra de novo. É até surpreendente perceber que desde Mel Brooks o cinema não havia produzido nada

A AGILIDADE DE UM JUDEU ATRASADO

Hélio Schwartsman, um dos principais colunistas da Folha, um dos defensores do golpe de 2016 e agora um dos jornalistas retardatários antiBolsonaro, apresenta-se também como pregador judeu indignado com os extremismos da família e seus cúmplices no poder. Com mais de dois anos de atraso, ele escreve hoje na Folha, deixando claro que se manifesta

VALENTES PELA METADE

Todos os que se revoltaram contra o vídeo nazista vão dizer alguma coisa sobre outras falas fascistas do governo? Ou só se manifestam contra pregações do nazismo? Os liberais brasileiros, os empresários e os jornalistas fofos continuarão mudos quando Bolsonaro e os filhos defenderem torturadores e a ditadura? O vídeo do nazista serviu para denunciar

NAZISTAS E ANALFABETOS

Um dia é dos nazistas e o outro é dos analfabetos do governo. Eles vão se revezando. Escreveram “vizualizações”, assim mesmo, com Z, na página do Inep, o órgão que cuida das provas do Enem. É só mais uma barbeiragem grosseira da área da Educação, com E maiúsculo. O ministro Abraham Weintraub já escreveu “impreCionante”,

A PERFORMANCE E A MORTE

É só uma provocação para meus amigos de todas as artes da representação. Há no olhar de Roberto Alvim, do início ao fim do vídeo que o derrubou, o brilho de quem se extasia com um experimento adiado por anos, talvez décadas. Alvim conseguiu o que poucos diretores conseguem, ele dirigiu a própria performance. Dito

A DIREITA DERRUBOU O GOEBBELS TRAPALHÃO

Não se enganem os que acham que Roberto Alvim foi degolado por exaltar os maiores criminosos do século 20. Tampouco acreditem que ele foi mandado embora por pressão das esquerdas. As esquerdas só bateram tambor e tocaram a corneta. Alvim foi dispensado porque se transformou num estorvo ao exaltar os nazistas. Citou como inspiração um