O PRÓXIMO PODE SER AUGUSTO ARAS

O procurador-geral pode ser o próximo a desapontar as expectativas de Bolsonaro. Augusto Aras talvez se apresente, já nos próximos dias, como mais um caso exemplar de quem se curva ao que alguém definiu um dia como o peso da toga. Aras não é juiz, é o chefe do Ministério Público, mas o peso da