Elas podem nos salvar

Os adultos estão atordoados e sem saber o que fazer. O bom seria se a resposta ao fascismo, ao fundamentalismo e ao obscurantismo viesse das crianças.
Diariamente, cotidianamente, sem revoltas, mas com a persistência infantil, com perguntas, com incômodos, constrangimentos, todos os dias, em toda parte.
Meu delírio é esse. Ver milhões de Mafaldas e Armandinhos derrotarem o bolsonarismo onde ele se manifestar.
Que os adultos bolsonaristas sejam desmoralizados pela infância que desejam destruir. Pelas crianças e seus bichos e suas fábulas.
Que as crianças, com suas falas, com gestos, com mensagens cifradas, e também com o que não é dito, tornassem a vida dos bolsonaristas um inferno, nas escolas, nas ruas, nas famílias. Principalmente nas famílias.
Mas aí também não sei se não tomei muito mate com a Abuelita, a erva uruguaia com cannabis.

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, em pé e atividades ao ar livre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


1 + 5 =