Tortura e censura

Eles não querem saber de nada que perturbe suas ‘consciências’. O governador do Rio, Wilson Witzel, ordenou que a exposição ‘Literatura Exposta’ fosse encerrada antes do tempo.
Hoje haveria uma performance do coletivo de artistas És Uma Maluca. O tema é a tortura durante a ditadura. A direita não gosta de ver nada que trate de tortura, e o governador determinou que a peça fosse cancelada.
Vai acontecer o quê com a censura declarada? Nada. Vão espernear, denunciar a perseguição, mas nada haverá além disso.
Se voltarem a torturar, talvez também não aconteça nada.
E os assassinos de Marielle?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


3 + 7 =