O JABURU E A FELICIDADE

As esquerdas gritam Fora Temer há dois anos. E há pelo menos um ano as esquerdas pedem uma prova de que Raquel Dodge é mesmo a xerife do Ministério Público, porque a maioria desconfia dela.
Pois a procuradora-geral fechou o cerco sobre o jaburu. Mandou os grandes amigos dele para a cadeia. Na véspera da Páscoa. Os amigos do jaburu, parceiros do Quadrilhão, não comerão ovinhos este ano.
E parte das esquerdas se assusta com a ideia de que estamos diante de uma nova conspiração. Diziam: prendem todo mundo, mas nunca pegam a direita golpista. Pois pegaram.
Cercaram o jaburu e prenderam os amigões do jaburu. Destruíram o jaburu. Ah, mas não deveria ser agora, porque Lula pode ser preso na semana que vem e o golpe pode recrudescer. Até meu coelhinho está espantado.
Se quiser, a direita cumprirá a nova etapa do golpe com ou sem o jaburu. Deixem Raquel Dodge cuidar dos chefes do Quadrilhão, ou fica tudo como está.
Só falta a esquerda levar um susto se prenderem Aécio. A esquerda está assustada com a possibilidade do fim do jaburu e de um novo golpe.
Para muitos, o jaburu seria o fiador da ‘democracia’ até a eleição. Fazendo o que vinha fazendo. Estaríamos viciados nos maus tratos do jaburu.
A esquerda está de novo com medo dos estragos da felicidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


1 + 4 =