Quem peitaria Lula do jeito que Tarcísio peitou Bolsonaro?

Alguém imagina Fernando Haddad ou qualquer outro nome forte do PT e do governo peitando Lula, em qualquer circunstância?

Pois Tarcísio de Freitas peitou Bolsonaro, na frente de todo mundo, inclusive dos dois filhos que estavam em pé, como seguranças, fazendo bafo em cima do governador na reunião do PL.

Bolsonaro disse: não apoiem a reforma tributária. Tarcísio respondeu: eu apoio a reforma e acho que todos devem apoiar. Foi peitado e peitou de volta.

Por que Haddad não peitaria Lula? Por respeito e porque sempre soube que só a reabilitação política de Lula poderia salvar o PT, as esquerdas e a democracia.

Tarcísio peita Bolsonaro por saber que só a destruição do seu ex-chefe pode salvar a direita, a extrema direita e também a democracia.

Bolsonaro ainda vai espernear e berrar, mas foi manietado pelo próprio grupo que o sustentou e assim viverá seu primeiro fim de semana como um traste.

A sequela do confronto com Tarcísio de Freitas é uma cicatriz na testa do fascista. Toda vez que se encontrarem, Bolsonaro saberá o que o entorno estará pensando. Ele foi derrotado por Tarcísio.

E agora entra em ação a fábrica de intrigas de jornalistas de Globo, Folha e Estadão, para que os dois se afastem mais ainda e Tarcísio se fortaleça.

Na semana que vem, teremos também o mutirão dos passadores de pano de Valdemar Costa Neto e da turma do deixa assim que uma hora passa.

E em algum momento Bolsonaro voltará berrando de novo, sabendo que, sem poder e sem dinheiro para comprar apoios, já não vale mais nada e está politicamente morto.

Ninguém mais, nem governador, nem prefeito, nem vereador, ninguém aguentará Bolsonaro sem força, sem discurso, sem militares e com uma dúzia de processos graves.

One thought on “Quem peitaria Lula do jeito que Tarcísio peitou Bolsonaro?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


1 + 9 =