A CONFISSÃO

O vídeo abaixo é uma das coisas mais nojentas já vistas sobre a ação de um déspota contra servidores públicos.

Conversei agora à noite, em troca de mensagens, com dois dos servidores que ele diz ter ‘ripado’, porque teriam prejudicado o véio da Havan.

Eles já sabiam que haviam sido demitidos por causa do caso da área interditada da Havan em Rio Grande, mas não como confissão pública.

É uma admissão de crime contra o serviço público e o patrimônio histórico e cultural, além de perseguição declarada, para favorecer quem ele acha que deve proteger.

E a plateia de empresários cafajestes da Fiesp achou graça da confissão do perseguidor.

3 thoughts on “A CONFISSÃO

  1. É exatamente o que o empresariado quer ouvir do desqualificado. Sua forte base de apoio, Os empresários, já estava alinhada com Salles, desde A época em que era secretário do meio ambiente de ALCKMIN. Provavelmente terá neste um ÓTIMO suporte para continuar sua missão destruidora do país.

  2. Interessante a menção do fato do Sales ter sido secretário do Chuchu. Será que ele não percebeu que estava alimentando um criminoso ambiental?
    Vai ser complicado regular o Chuchu, mas acho que o caminho de Lula fica bem menos ameaçado tenho ele como vice. O cara consegue reunir um monte de defeitos, mas se ajudar a derrubar o Genocida e o canalha entreguista , basta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


5 + 1 =