Os picaretas

PICARETAS

Lula levantou uma dúvida que talvez o DataFolha esclareça. Ele disse ontem na concentração antigolpe na Avenida Paulista que o Congresso tem hoje mais picaretas do que há 22 anos.

Leiam o que ele disse:

– É só olhar para a cara deles para saber que os 300 picaretas que eu falei em 1994 aumentaram um pouco.

Um pouco quanto? Não é uma dúvida qualquer. Quando da votação do impeachment, descobriu-se que a grande maioria da Câmara elegeu-se nas costas de outros.

O El Pais fez uma das melhores reportagens a respeito. O jornal espanhol contou:

“Apenas 36 dos deputados federais brasileiros eleitos em 2014 conseguiram os votos de urnas necessários para obter uma das 513 cadeiras da Câmara na atual legislatura. Isso quer dizer que só 7% dos parlamentares superaram o mínimo necessário de votos – o chamado quociente eleitoral – para garantir um espaço na Casa legislativa, o mesmo número da eleição de 2010. E os outros 477? Como chegaram lá?

(veja a reportagem aqui: http://brasil.elpais.com/brasil/2016/04/19/politica/1461023531_819960.html)

Parece bobagem, mas Lula tenta reavivar um debate que o golpe não pode esconder. O golpe foi aplicado por todo tipo de gente, mas muitos, muito mesmo, são apenas bons picaretas que nem corruptos conseguiram ser – ainda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


2 + 1 =