O MINISTRO DA DEFESA QUE OS MILITARES ARGENTINOS VÃO TER DE ENGOLIR

Vejam o que Alberto Fernández fez na Argentina, enquanto aqui Bolsonaro brinca com tanques de guerra. Escolheu como novo ministro da Defesa alguém que construiu sua trajetória política na esquerda do peronismo. O sociólogo Jorge Enrique Taiana, 71 anos, foi militante da Juventude Peronista e do grupo Descamisados antes e durante a ditadura. Esteve preso

BOLSONARO FOI A JOINVILLE EM BUSCA DA SUA TURMA

Bolsonaro não foi por acaso a Joinville para uma confraternização com empresários de uma cidade ultraconservadora, com moradores que não escondem seus vínculos com grupos supremacistas. Bolsonaro foi reforçar publicamente suas conexões com redutos com forte presença de simpatizantes do neonazismo. É a face que ele tem ressaltado nos gestos mais recentes, desde a aparição

PARTICIPAR DE MANIFESTAÇÃO NÃO PODE. MAS DE GENOCÍDIO PODE?

A presença de Eduardo Pazuello ao lado de Bolsonaro, no desfile dos motoqueiros no Rio, preocupa os militares. É o que os jornalões informaram, com suas fontes encobertas, logo depois da manifestação. Dizem que a aparição de Pazuello causa apreensão pelas questões política e disciplinar e que por isso ele deve ser mandado para a

JÁ NOS FAZ BEM SE FOR APENAS UMA BELA FOTO

As esquerdas, tão destreinadas da ação política efetiva de juntar e agregar, podem se dedicar ao exercício da montagem de cenários, depois do encontro de Lula e Fernando Henrique Cardoso. Temos mais do que uma foto ou uma miragem do encontro entre os dois, o que temos é a velha e boa política presencial. Ambos

A RACHADINHA DO GOLEIRO

A revista Matinal revela em detalhes mais um rolo com rachadinhas, agora envolvendo o deputado (PSD) Danrlei de Deus, secretário de Esporte e Lazer no governo de Eduardo Leite. O Ministério Público Federal e a Procuradoria-Geral da República (PGR) investigam o recolhimento e o destino irregular de parte de salários de assessores no gabinete do

A BOIADA DE SALLES E A LIBERTAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL

A família Bolsonaro, e não só o pai dos garotos, tinha certeza de que Sergio Moro iria aparelhar a Polícia Federal. Era uma das principais tarefas do ex-juiz a serviço da facção no poder. Mas Sergio Moro não quis ou não soube atender às expectativas de Bolsonaro, como ficou claro naquela famosa reunião filmada de

BOLSONARO FOI ABANDONADO. É A HORA DA TRÉGUA

Chegou o momento de tentar uma reaproximação com os que, por antipetismo, anticomunismo e antitudo, votaram em Bolsonaro e se arrependeram. É hora da trégua com aqueles que tentaram enxergar Bolsonaro no poder caminhando para o centro, mesmo que arrastando seu pesado histórico de atleta do submundo da política e seus vínculos com milicianos. Esse

A CONVERSINHA DO VOTO IMPRESSO

Tem muita gente boa dando corda para a ideia de Bolsonaro em defesa da adoção do voto impresso. Os argumentos são ingênuos, quase colegiais. O primeiro é este: se o voto impresso for adotado, tira-se de Bolsonaro o principal pretexto para um golpe, caso ele venha a ser derrotado, como será. Outro argumento defende que

A NOVA COMPANHIA DE BOLSONARO

Teve uma presença marcante na manifestação do agronegócio neste sábado em Brasília. O ministro Braga Netto estava lá, e sem máscara. É o novo acompanhante de Bolsonaro em agendas com temas extremistas. Augusto Heleno ganhou folga. Nunca em governo algum ministros da Defesa participaram de atos pelo fechamento do Supremo. Só no governo de Bolsonaro.