A SINCERIDADE DEMOLIDORA DE AUGUSTO HELENO

Augusto Heleno está consagrado como o general mais fiel a Bolsonaro. Mas na manifestação encaminhada à Polícia Federal, no inquérito sobre o imbróglio da Polícia Federal com Bolsonaro, ele não confirma a queixa do chefe. Heleno diz que Bolsonaro não teve “óbices ou embaraços” em 2019 e em 2020 para fazer mudanças na equipe da

VAMOS AGUARDAR A DELAÇÃO DE WEINTRAUB

Já tivemos muitas delações de ex-bolsonaristas, mas nenhuma será como a que pode estar vindo aí. Já desfrutamos das informações de delatores do porte de Alexandre Frota, Joice Hasselmann, Gustavo Bebianno, Sergio Moro e Paulo Marinho. Mas a delação mais emocionante, porque que terá carga dramática, será a de Abraham Weintraub. O bolsonarismo será dividido

O PRÓXIMO PODE SER AUGUSTO ARAS

O procurador-geral pode ser o próximo a desapontar as expectativas de Bolsonaro. Augusto Aras talvez se apresente, já nos próximos dias, como mais um caso exemplar de quem se curva ao que alguém definiu um dia como o peso da toga. Aras não é juiz, é o chefe do Ministério Público, mas o peso da

POR QUE NÃO PEGAM CARLUXO?

É a pergunta que anda de um lado pra outro, desde manhã cedo, com muitas respostas possíveis. Por que a investigação em torno das fake news livrou até agora o filho de Bolsonaro de ações mais ostensivas? Se todos sabem, principalmente a Polícia Federal, que ele é, desde o tempo da campanha, o chefe da

A GUERRA SUJA DAS FACÇÕES

São dois os impactos imediatos da guerra deflagrada por Bolsonaro contra os governadores, que apenas começa com a pedalada na casa de Wilson Witzel. O primeiro impacto é o mais óbvio: o governo vai dizer que a pandemia passou a fazer parte da engrenagem da corrupção. O segundo: os governadores vão gritar que são perseguidos

A ÍNTEGRA DA FAMOSA REUNIÃO DO DIA 22 DE ABRIL

Não há o que possa ser aproveitado da reunião do dia 22 de abril, quando Bolsonaro só fala de relatórios que garantam proteção a ele e aos filhos. Nos links abaixo, em vídeos e textos, toda a sequência de conversas que viraram besteiras e uma seleção de palavrões. O interessante é que essa reunião foi

A BOIADA E A CACHORRADA

O Datafolha anda quieto há muito tempo, porque suas últimas pesquisas só confundiram. Mas a Folha pode reaparecer amanhã com uma consulta sobre a divulgação do vídeo. E aí devemos estar preparados para uma notícia desagradável. É possível que o vídeo tenha ressuscitado Bolsonaro. O que pode induzi-lo ao erro do excesso de confiança. Hoje,

UM JORNAL ACOVARDADO

A Folha conseguiu produzir mais um péssimo exemplo de jornalismo para ser estudado em aulas de comunicação. Todos os sites, todos os blogs e o Estadão deram de manchete a decisão do ministro Celso de Mello de solicitar que a Procuradoria-Geral da República se pronuncie sobre a apreensão do celular de Bolsonaro. O Estadão deu

O MENINO ASSASSINADO E O FASCISTA

Hoje pela manhã, enquanto a mãe de João Pedro Mattos Pinto era informada de que o corpo do menino estava no IML de São Gonçalo, no Rio, Bolsonaro se reunia com dirigentes do Flamengo e do Vasco em Brasília. Quando Rafaela, a mãe de João Pedro, finalmente tinha a confirmação oficial de que o filho