BOLSONARO FOI ABANDONADO

A pauta que os jornais ainda não fizeram, mas uma hora terão de fazer, deve expor as sobras de apoio político a Bolsonaro. É uma pauta urgente, antes que algo aconteça e se descubra que não sobrava mais nada.

Qual é o suporte com que Bolsonaro pode contar para tentar se manter, mesmo que precariamente, num poder que se desmorona em meio à pandemia?

Se Bolsonaro não tem mais apoio de ninguém de expressão entre as lideranças políticas, se trata Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre como conspiradores, se vê golpistas até dentro do Supremo, o que sobra para Bolsonaro? Só o lastro militar?

São apenas os generais que ainda tentam manter de pé um governo que não existe mais? Mas irão até quando?

Ontem, Bolsonaro denunciou toda a sua fragilidade, na apresentação do novo ministro da Saúde, ao não conseguir articular uma fala de improviso.

Que outro presidente, mesmo de um país inexpressivo, teria de contar com a ajuda de alguém para receber, pelo aparelho de um ponto grudado na orelha, as frases que deveria repetir?

Bolsonaro não consegue dizer, se não tiver ajuda, por que decidiu trocar um ministro. A cena do discurso, com frases sem encadeamento, expôs um sujeito frágil física e mentalmente.

Esse é o presidente que vai encarar o pior momento da pandemia, que agora intensifica o massacre de pobres e miseráveis nas periferias.

Hoje, a Folha aborda o medo de Bolsonaro diante do que seria o planejamento de um golpe contra ele.

Mandetta foi embora, então é preciso arranjar uma nova guerra, desta vez contra inimigos bem mais poderosos.

Bolsonaro está sempre em posição de defesa, mesmo que pareça estar atacando. E só ataca porque se sente acossado.

É preciso defender a família e o que resta de governo, mas nem Sergio Moro fala mais. Sem aliados, com os últimos subalternos acovardados e sem Mandetta, sem o grande inimigo que morava ao seu lado, o que será de Bolsonaro?

One thought on “BOLSONARO FOI ABANDONADO

  1. Bolsonaro abandonado? Rsrs. Ele tem a esquerda e a direita apoiando-o.

    O que interessa saber (se as próximas eleições não forem fraudadas), é se 52% da população, ainda votaria nele. Se é que as eleições passadas não foram fraudadas por eles, já que Bolsonaro é tão debochado que ele sempre SE acusa, acusando os outros de fazerem o que ele mesmo faz e ele levantou essa questão há alguns meses.

    Eu tenho uma ideia para impedir fraude nas eleições, mas não direi aqui, até porque é inútil. Esse governo jamais faria isso. Aliás, nenhum. Só o povo obrigando.

Deixe uma resposta para Cristina Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Website Protected by Spam Master


3 + 8 =