PATRÍCIA VENCEU, MAS AINDA FALTA PEGAR OS FINANCIADORES DAS MILÍCIAS

O chefe do governo da quadrilha de pastores e dos assediadores de assessoras foi derrotado pela jornalista Patrícia Campos Mello no Tribunal de Justiça de São Paulo por quatro votos a um. A jornalista da Folha havia sido acusada pelo genocida de tentar obter informações em troca de sexo. Em fevereiro de 2020, Bolsonaro afirmou

GOLPISTAS, PRESTEM ATENÇÃO NO QUE ACONTECEU NA BOLÍVIA

A ex-senadora Jeanine Añez, agora condenada a 10 anos de cadeia, é a gaiata que teve inesperado protagonismo no golpe boliviano, quando não deveria ter sido nem figurante. Por isso Bolsonaro força a barra quando tenta se comparar a Jeanine, como fez nos Estados Unidos ao dizer que ela e ele são perseguidos pelo Judiciário.

BOLSONARO DESAFIA O SUPREMO A ENFRENTAR OS PODEROSOS DA EXTREMA DIREITA

A condenação do deputado Daniel Silveira vinha inspirando a confiança de juristas, políticos, jornalistas e torcidas em geral. O Supremo teria oferecido uma lição de largo alcance a todos os que já tentaram ou tentarão ofender as instituições e a democracia. Bolsonaro acabou com o entusiasmo generalizado ao desafiar o STF e anistiar Silveira dos

TERRIVELMENTE JURISTA

Kassio Nunes Marques é tão bolsonarista, mas tão bolsonarista, que sabia ser o único que livraria a cara de Daniel Silveira pelos ataques ao Supremo, mas mesmo assim se manteve bolsonarista. É mais do que constrangedor para o STF, para o Judiciário e para a OAB, que bancou a indicação de Nunes Marques por Bolsonaro

O HUMORISTA DOS GOLPISTAS

Estou entre os que defendem a liberdade de expressão no seu limite, principalmente quando o debate é político e de posicionamento de ideais, por mais fortes que sejam. Essa liberdade também deve ser respeitada no humor, ou os déspotas nunca aceitariam os retratos que os humoristas fazem deles. Mas Danilo Gentili não defende ideias e

A JUSTIÇA É PARA TODOS

Finalmente o ex-deputado Carli Filho foi condenado por duplo homicídio no trânsito. O sujeito dirigia bêbado e em alta velocidade quando cometeu os crimes em Curitiba, em 2009. A condenação de Carli por ter matado duas pessoas: nove anos e quatro meses de prisão. A condenação de Lula, julgado em tempo recorde, por ser ‘dono’

ESTAMOS CONDENADOS

Os jornais estão lotados de interpretações sobre a decisão do Tribunal Regional Federal de reafirmar a condenação de Lula. A conclusão geral, depois da leitura de tentativas de entendimento, é uma só: o Brasil sucumbiu ao poder de um Judiciário confuso e enredado em sua fleuma e em suas fragilidades e contradições. O Judiciário que