A tática desesperada da irracionalidade

O vídeo que desafia a orientação mundial pelo isolamento e confronta Bolsonaro com as normas baixadas pelos governadores teria sido distribuído por Flavio Bolsonaro (clique no Leia mais para ver o vídeo). É o grande teste da popularidade de Bolsonaro e tem tudo para funcionar: apela para o sentimento de desamparo de quem acha que

Bolsonaro ataca de novo e ameaça

No dia seguinte, Bolsonaro voltou ao ataque contra os governadores e considerou até a possibilidade do fim da “normalidade democrática”. No cercado, mas sem a claque (veja o vídeo clicando no Leia mais), Bolsonaro disse que vai recomendar ao ministro Luiz Henrique Mandetta o cumprimento da nova orientação para o confinamento. Apenas idosos e pessoas

A pedalada de dois imbecis

Um casal que voltou da Itália e, sem entrar em quarentena, saiu a pedalar pelas estradas de Itapira, São Paulo, anunciando que iria espalhar o coronavírus. Os casal foi identificado como Raquel Cestari e Rodrigo Mariotoni. Não se sabe se eles espalharam o vírus, mas este e outros vídeos estão disseminados. Para ver o vídeo,

BOLSONARO, ACABOU!!!

O haitiano que confrontou Bolsonaro com a sua real situação de ex-presidente tem uma rede de proteção? Quem irá proteger de retaliações o moço que disse na cara de Bolsonaro o que pelo menos dois terços dos brasileiros gostariam de dizer? Foi o que ele disse ontem, na frente do Alvorada, cercado pela claque bolsonarista:

O que Vera Magalhães escreveu sobre Bolsonaro em 2018

Vera Magalhães errou quase tudo o que escreveu sobre Bolsonaro no Estadão, a uma semana do segundo turno da eleição de 2018. Hoje, por finalmente ter acertado como jornalista, é considerada inimiga pelo pai e pelos filhos. Vera somente virou desafeta da extrema direita no poder por ter divulgado que Bolsonaro se encarregou de passar

VALENTES PELA METADE

Todos os que se revoltaram contra o vídeo nazista vão dizer alguma coisa sobre outras falas fascistas do governo? Ou só se manifestam contra pregações do nazismo? Os liberais brasileiros, os empresários e os jornalistas fofos continuarão mudos quando Bolsonaro e os filhos defenderem torturadores e a ditadura? O vídeo do nazista serviu para denunciar