OS CORONÉIS, DE NOVO

O interrogatório de Cristiano Carvalho (representante no Brasil da Davati Medical Supply), na CPI do Genocídio, apresenta de novo a sempre presente lista de coronéis envolvidos nos rolos das vacinas. Carvalho já citou os coronéis Elcio Franco, ex-secretário-executivo da Saúde (o mais citado de todos, sempre), e os coronéis Marcelo Blanco, Glaucio Octaviano Guerra, Cleverson

O EXÉRCITO QUER SABER O QUE SEUS CORONÉIS FAZIAM NO MINISTÉRIO DA SAÚDE?

O Exército continua em silêncio porque ainda deve estar tentando entender a aparição de nomes de oficiais em notícias e delações com suspeitas e indícios de participação de militares nos rolos do governo Bolsonaro, quase sempre associados à corrupção na compra das vacinas. Mas talvez os altos comandos devessem prestar atenção também nos oficiais que,

JORNALÕES NÃO ENTRAM NO PÂNTANO DOS CORONÉIS DE PAZUELLO

Os grandes jornais fizeram a pauta mais óbvia do fim de semana sobre os militares citados por civis que conhecem ou participam dos rolos nas compras das vacinas. Globo, Folha e Estadão vieram no domingo com textos sobre as suspeitas, requentando o que todo mundo sabe. Os jornalões fizeram resenhas para dizer que os militares

OS IRMÃOS E OS CORONÉIS

Luís Ricardo Miranda, chefe da divisão de importação do Ministério da Saúde, e seu irmão, o deputado Luís Cláudio Miranda (DEM-DF), contribuem para envolver pelo menos quatro oficiais do Exército de Bolsonaro em suspeitas com as máfias das vacinas. As Forças Armadas pagam o alto custo da cumplicidade com um governo em que uma pandemia

SAUDADE DOS CORONÉIS

Morreu Severino Cavalcanti. E Geddel Vieira Lima foi libertado. Os dois parecem pertencer a um tempo tão distante que poderiam até ser anistiados, diante das atrocidades cometidas hoje pela extrema direita no poder. Severino e Geddel eram do tempo em que a direita tinha coronéis, e os corruptos golpistas guardavam dinheiro em malas abertas perto

O GOLPE DOS JAGUNÇOS E DOS CORONÉIS

Quase sempre sou voto vencido em debates sobre os mecanismos de viabilização do golpe, dos estratégicos aos operacionais. Não tenho muita simpatia pelas velhas teorias que sempre buscam explicações nas conspirações internacionais. É uma conversa que tem evoluído nos últimos meses. É claro que tudo contra governos ou projetos de esquerda tem apoio de fora,