Piera Fernández de Piccoli, a líder dos estudantes argentinos

Estudante de ciência política, filha de uma professora e de um pequeno comerciante de Río Cuarto, na província de Córdoba, Piera Fernández de Piccoli, 27 anos, é considerada a nova cara da resistência argentina. Piera liderou a marcha de milhares de estudantes na terça-feira em Buenos Aires, que jornais conservadores, como o La Nación, calcularam

Na Argentina, as fake news saem de dentro da Casa Rosada

Há duas especulações em circulação na Argentina. A primeira, recorrente, apenas se renova e vai ganhando o reforço de mais dramaticidade. É a de que Javier Milei não aguentará até o final do ano. O fascista cairá, se continuar desprezando a miséria e a inflação e afrontando os sindicatos, os movimentos sociais, os governadores, as

Que as almas dos jesuítas protejam Francisco

Padres argentinos se rebelaram publicamente contra o fascista que governa o país, na mesma semana em que o papa recebia o sujeito no Vaticano. Por que Francisco foi tão efusivo com o extremista que ameaça destruir a Argentina? É o tema do meu artigo no Extra Classe, com link logo abaixo: https://www.extraclasse.org.br/opiniao/2024/02/que-as-almas-dos-jesuitas-protejam-francisco/

Os argentinos diante dos ensaios de um ditador

Os argentinos, viciados em tragédias políticas, construíram o roteiro de mais um dilema com o projeto autoritário de Javier Milei. São evidentes os sinais de que o sujeito se sente acossado e poderá radicalizar com reações previsíveis. Se não conseguir preservar o núcleo do seu pacote de leis contra o povo, Milei não dirá simplesmente

O fracasso do fascista argentino em Davos

A repórter Luisa Corradini, do La Nación, informou o que a maioria da imprensa tentou esconder, inclusive a Globo no Jornal Hoje: foi um fracasso e tratada com deboche a palestra de Javier Milei em Davos. O fascista era anunciado pela extrema direita argentina como uma das estrelas do Fórum Econômico Mundial. Luisa informa que

Procurador macrista tenta calar um dos maiores cineastas argentinos

O premiado cineasta Adolfo Aristarain, um dos mais respeitados nomes da cultura argentina, escreveu dia 11 no jornal Página 12, referindo-se a Javier Milei: “Não vamos dar tempo a eles. É preciso ocupar as ruas. A greve da CGT tem que ser por tempo indeterminado: até que caia o governo”. A CGT, a maior central

A extrema direita tem o controle de quase todas as pautas

Javier Milei decidiu que só irá despachar na Casa Rosada às terças e quintas-feiras e ficará o resto da semana na residência oficial da Quinta de Olivos. Precisa estar perto dos seus quatro cães clonados a partir de outro cão que já morreu. Debatem na Argentina se é normal que o presidente da República se

Começa o enfrentamento do fascismo em Buenos Aires

O mais bem informado dos argentinos não tem como prever o que acontecerá a partir desta terça-feira em Buenos Aires. O povo estará nas ruas contra o fascista que chegou ao poder. Mas não é o povo disperso, nem a classe média que um dia se junta para caminhar contra o governo, como fizeram pelo

Uma obsessão do presidente fascista preocupa os judeus argentinos

O jornal La Nación publicou reportagem que aprofunda uma das tantas questões controversas envolvendo Javier Milei: sua obsessão em dizer que é amigo de Israel e dos judeus e a decisão de converter-se ao judaísmo. Por que essa exposição pública, que alguns consideram uma farsa e que o coloca ao lado de líderes da direita

Não vá a Buenos Aires no dia 19

Começa no dia 19 de dezembro em Buenos Aires e pode terminar ou não no dia 20 o primeiro grande confronto entre Javier Milei e os movimentos sociais. Não será bom passear pela cidade nessas datas, na terça e na quarta-feira. Ao anúncio das organizações populares de que iriam demarcar território e ir às ruas,