Se ninguém pega Allan dos Santos nos EUA, quem vai pegar os manés na Argentina?

A Polícia Federal já capturou 49 dos 208 manés condenados pelo 8 de janeiro e que estão foragidos. A maioria dos ainda sumidos está fora do país. A PF vai conseguir pegar o resto? A Justiça conseguirá a ajuda do governo argentino, onde estariam pelo menos 60 dos que saíram daqui, depois de romperem as

A tragédia que mata pode ajudar a salvar a extrema direita

Golpistas civis e militares, muambeiros de joias, vampiros de vacinas e cloroquina, milicianos analógicos e digitais, financiadores de gabinetes de ódios e fake news e todos os graúdos envolvidos em crimes associados à extrema direita. Acalmem-se e orientem-se com seus advogados. A catástrofe que mata os gaúchos e destrói o Estado poderá salvá-los. A tragédia

A vida que vale R$ 200 mil, ou R$ 315 por mês

A Justiça brasileira é ruim também nas contas quando o personagem de uma decisão dos seus magistrados é pobre, negro ou vítima da ditadura. Os jornais noticiam que a 7ª Câmara de Direito Público da Justiça do Rio condenou o Estado a pagar indenização de R$ 200 mil à família de Andreu Luiz Silva Carvalho.

E se Bolsonaro escapar de todos os cercos?

Não há excesso de pessimismo em se imaginar que o sistema de Justiça pode nos oferecer em algum momento as seguintes conclusões: Bolsonaro não liderou o golpe, não comandou a sabotagem contra a vacina da Covid, não ordenou o genocídio dos yanomamis e não mandou matar Marielle. De todas as hipóteses acima, só uma não

Os figurantes abandonados pelos líderes do 8 de janeiro

O 8 de janeiro de 2023 ainda é um desatino a ser melhor compreendido a partir do conjunto de protagonistas, coadjuvantes e figurantes, considerando-se os falsamente ocultos, os visíveis e os que se consideram disfarçados ou dissimulados. O governo faz bem em se precaver, diante da proximidade da data, mas é improvável que grupos se

A caçada a Altman avança com o suporte da Justiça e o acovardamento da grande imprensa

A perseguição ao jornalista Breno Altman pela Conib (Confederação Israelita do Brasil) está no contexto de tantas outras caçadas a jornalistas que não pertencem às grandes corporações de mídia. Predadores de jornalistas focam em presas que os afrontam e que eles consideram menos protegidas. Altman é a presa da vez. Para relembrar, por ação impetrada

Depois de Braga Netto, falta o elo empresarial do bolsonarismo

Se for compartimentada, a estrutura do bolsonarismo estará bem representada pelos personagens alcançados até agora pelo sistema de Justiça. Mas está faltando, além do núcleo dos grandes chefes, um elo decisivo para o desmonte das bases do fascismo pós-2018. Os instrumentadores, os operadores, os ajudadores, os prestativos, os financiadores dos níveis intermediários, os manés e os

A ESTRANHA PRIVATIZAÇÃO DA CORSAN

É possível reverter a privatização da Corsan, a estatal gaúcha de água e saneamento? É a grande interrogação do momento no Rio Grande do Sul. Conversei esses dias com o advogado Antonio Escosteguy Castro, do escritório COP Advogados, sobre a evolução dos questionamentos do caso na esfera judicial. Publico abaixo uma sequência de três vídeos

E se Bolsonaro e os manezões não pegarem cadeia?

Ainda há 15 processos contra Bolsonaro na esfera eleitoral, mas ele já está condenado como político e ficará inelegível até 2030. É muito e também parece pouco. Falta condená-lo como criminoso. O julgamento dos outros delitos eleitorais, também graves, perde impacto. É amplificado a partir de agora o sentimento de que ainda falta pegar o